Home Política Sócias da Eco101 não comparecem à audiência

Sócias da Eco101 não comparecem à audiência

126
0
SHARE
Nenhum representante das empresar sócias da concessionária Eco101 compareceram à audiência dos deputados estaduais – Foto: Infraestrutura – Foto: Tati Beling

Concessionária Eco101 não envia representantes para audiência pública

Por João Caetano Vargas

Os representantes das empresas capixabas que compõem o consórcio responsável pela rodovia federal BR-101, a concessionária Eco101, no estado do Espírito Santo não compareceram à audiência pública da Comissão de Defesa do Consumidor, realizada na manhã de terça-feira, dia 26, no plenário da Assembleia Legislativa (Ales).

Os dirigentes tinham sido convocados para dar esclarecimentos sobre os serviços prestados pela Eco101. O presidente do colegiado, deputado Euclério Sampaio (PDT), recebeu as justificativas pelas ausências e determinou que fosse feita a reconvocação do membro do conselho administrativo da Coimex, Otacílio Coser Filho, para o dia 24 de outubro.

O deputado Da Vitória (PDT) criticou a ausência dos representantes. “Uma concessionária que está cometendo um estelionato federal. Eles assinaram o contrato decididos a não duplicar a rodovia, dando um calote nos cofres públicos e não se mostram nem um pouco preocupados em prestar esclarecimentos”, afirmou.

Tinham sido convocados dirigentes das empresas EcoRodovias Infraestrutura e Logística S/A, Centauros participações S/A, Grupo Águia Branca, Coimex, Tervap Pitanga Mineração e Pavimentação Ltda, Madeira Indústria e Comércio Ltda, Contek Engenharia, Urbesa Administração e Participações Ltda, MMF Empreendimentos e Participações e Grant Concessões e Participações Ltda.

Rio Doce

Euclério também determinou a convocação de representantes da fundação Renova para o dia 10 de outubro. A instituição é responsável pela reparação dos danos e pelo ressarcimento dos prejudicados pela tragédia ambiental ocorrida em 2015 e que acometeu o Rio Doce. Os estragos foram causados pelo rompimento da Barragem de Mariana, controlada pela mineradora Samarco.

Repelentes

Quem também não compareceu à audiência foi o ex-subsecretário de Estado da Saúde (Sesa), José Hermínio Ribeiro, convocado para prestar esclarecimentos sobre o esquema de fraude milionária na compra de repelentes. Deisiany Klippel da Silva, que à época era secretária do acusado, compareceu à comissão, respondeu a algumas perguntas dos parlamentares e em seguida foi liberada.

O que achou dessa matéria?
[Total: 1 Média: 5]
SHARE

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here