Home Mercado Pesquisa aponta endividamento do consumidor

Pesquisa aponta endividamento do consumidor

118
0
SHARE

 


“72,2% do total das famílias de Vitória estavam endividadas em 2017, aponta Peic”, diz Fecomércio do ES – (Iá)

Por Mônica Caser

De acordo com o balanço realizado pela Federação do Comércio de Bens e Serviços e Turismo do Estado do Espírito Santo (Fecomércio-ES), baseado em dados da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), houve um aumento significativo de 7,6 pontos percentuais na taxa média anual de famílias endividadas em relação a 2016. Em média, 72,7% do total das famílias de Vitória estavam endividadas em 2017.

Os indicadores de inadimplência também cresceram no ano, atingindo uma média anual de 48,8% do total de famílias da capital. Essa diferença representou um crescimento de 18,8 pontos percentuais em relação ao nível médio de inadimplência das famílias em 2016.

Pesquisa

Saldo de 2017 aponta aumento do endividamento

Mas 2018 pode ser um ano favorável ao crescimento dos investimentos, acredita entidade

Um balanço realizado pela Federação do Comércio de Bens e Serviços e Turismo do Estado do Espírito Santo (Fecomércio-ES), baseado em dados da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), mostrou ter havido um aumento significativo de 7,6 pontos percentuais na taxa média anual de famílias endividadas em relação a 2016. Em média, 72,7% do total das famílias de Vitória estavam endividadas em 2017.

Os indicadores de inadimplência também cresceram no ano, atingindo uma média anual de 48,8% do total de famílias da capital. Essa diferença representou um crescimento de 18,8 pontos percentuais em relação ao nível médio de inadimplência das famílias em 2016.

A expectativa da Fecomércio-ES para 2018 é que seja um ano mais favorável ao crescimento econômico. “O ano que passou foi marcado por muitas incertezas econômicas e políticas. Esse cenário, que vem acompanhado de alto nível de desemprego, influenciou diretamente a queda do consumo, o aumento do endividamento e da inadimplência das famílias que, em Vitória, atingiu o mais alto nível desde que a série histórica foi iniciada”, opina o presidente da entidade, José Lino Sepulcri.

Tipo de dívida

O cartão de crédito continuou sendo o principal meio de endividamento das famílias em 2017. No entanto, observou-se queda de sua participação, com uma média anual de 53,1%, diferença expressiva quando comparada aos anos anteriores.  Além da menor utilização do cartão de crédito, observou-se uma maior utilização do crédito pessoal, do cheque especial e dos carnês.

Renda familiar

Analisando a situação do endividamento por faixa de renda familiar entre as que possuem rendimento de até 10 salários mínimos e aquelas cujo rendimento é acima de 10 salários mínimos, observou-se que as famílias de mais baixa renda são as que se encontram em maior dificuldade, apresentando uma maior intensidade do endividamento e da inadimplência.

Nota técnica

A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) Anual é um compilado das informações da PEIC mensal, realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e disponibilizada às federações para a elaboração das análises estaduais. A Peic tem por objetivo dar resposta às questões sobre a investigação na área do endividamento das famílias. A análise dos dados de Vitória/ES é realizada pela Assessoria Econômica da Fecomércio-ES.

O que achou dessa matéria?
[Total: 1 Média: 5]
SHARE

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here