Home Mercado Consumidores investem na geração de energia

Consumidores investem na geração de energia

126
0
SHARE

A sustentabilidade e economia atraem investimentos na própria geração de energia

O empresario José Borges Tavares Neto da empresa BVK Energia Solar – Foto: Divulgação

Por Bárbara Deps Bonato

A elevação dos custos com energia e as inconstantes climáticas abalam a geração energética atual, baseada na energia hídrica. Muitos empreendedores estão buscando diversificar a matriz energética de seus negócios e pra isso procuram linhas de financiamento específicas para investimento em tecnologias limpas.

Nesse cenário, a aquisição de sistemas fotovoltaicos, eólicos, de biomassa e pequenas centrais hidrelétricas por pequenas, médias e grandes empresas tornou-se uma boa opção de investimento para quem busca economia e agregação de valor ao negócio, por meio da sustentabilidade.

Quem viu esta oportunidade de investimento é o empreendedor José Borges Tavares Neto da empresa BVK Energia Solar que contou com o apoio do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) para ampliar a empresa. A BVK Energia Solar nasceu como um desdobramento da BVK Engenharia e trabalha com instalação, treinamento e produção de projetos de eficiência energética. Borges procurou o Bandes em 2015 para adquirir recursos para capital de giro e aquisição de placas fotovoltaicas e inversores para seu estoque. A empresa atua com todo o mix voltado à geração de energia solar.

“A partir do marco regulamentário da geração de energia da Anel que permite pequenas vi a oportunidade de negócio. O crédito do Bandes me deu oportunidade de dar um salto, com aquisição de placas, montagem de estoque e capital de giro”, destaca Borges.

Além da economia gerada, a energia fotovoltaica possibilita a redução de aproximadamente 36ton/ano de CO² na atmosfera, beneficiando também o meio ambiente.

Os recursos contratados pela empresa são do Programa de Economia Verde do Bandes. Do ponto da dimensão ambiental, a economia verde é caracterizada pela adoção de sistemas de produção e consumo que preservem os recursos naturais, pela adequada disposição e reciclagem de resíduos e detritos derivados dos processos produtivos, pela utilização de fontes de energia renováveis, pela manutenção de vegetação nativa em áreas ambientalmente relevantes, pela adoção de medidas que permitam reduzir os níveis de emissão de gases do efeito estufa, além de outros procedimentos que contribuam para a manutenção de ativos ambientais a longo prazo.

Condições Operacionais

O que é a Economia Verde?

É um financiamento para incentivar o desenvolvimento da eficiência energética, das melhores práticas de controle ambiental e do uso de materiais recicláveis. A linha busca apoiar a adoção de sistemas de produção e consumo que preservem os recursos naturais, utilizem fontes de energia renováveis, mantenham a vegetação nativa, além de outros procedimentos que contribuam para a correta utilização de ativos ambientais.

O que pode ser financiado?

  • Investimentos em energia renovável e eficiência energética; · Apoio a empresas que utilizem subprodutos ou produtos reciclados como principal matéria-prima em seus processos produtivos; · Condicionantes ambientais aplicadas pelos órgãos competentes; · Apoio a empresas participantes da cadeia de materiais reaproveitáveis; · Investimentos no controle ambiental; · Apoio a projetos com capital de giro associado (financiando investimento fixo e capital de giro).

Quais são as principais vantagens?

  • Isenção de Imposto sobre Operações Financeiras (IOF); · Financia implantação de negócios; · Financiamento de até 100% do valor do investimento; · Financiamento de investimentos ocorridos nos 12 meses anteriores ao protocolo da solicitação de financiamento; · Prazo de carência adequado ao investimento; · Prazo de amortização adequado ao investimento; · Financiamento de equipamentos importados; · Financiamento sem reciprocidade.

Informações sobre consultores e linhas de financiamento: Bandes Atende: 0800 283 4202, na Av. Princesa Isabel, 54, Centro, Vitória.

O que achou dessa matéria?
[Total: 0 Média: 0]
SHARE

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here